Colônia belga em Ilhota (SC)

Você está aqui

Denis Isler Jean Nicolas

Sobrenome: 
Denis Isler
Nome: 
Jean Nicolas
Nascido em: 
Bremen
DE
Resido em: 
Brugge
BE
Profissão: 
Sub Director
Travesia
Barco: 
Jan van Eyck - 23.08.1844
Idade momento do embarque: 
46
N° de pessoas: 
1
Voltou para a Bélgica: 
sim
Sobrenome alternativo: 

José Deniz Isler (Jornal do Commercio (RJ) – 23-24.7.1842)

Data obito: 
segunda-feira, 6 Setembro, 1847
Observação: 

No livro de Maes consta a cidade de nascimento "Breme". (p. 60-61). Que ele nasceu na cidade alemã "Bremen" é confirmado no jornal "Diario de Rio de Janeiro". O jornal de 18.7.1838 menciona que o "bremez" Joseph Deniz Isler chegou com o brigue belga "Jean Van Eyck" vindo de Antuérpia no porto de Rio de Janeiro. Achamos outra noticia no mesmo jornal com data 23-24.7.1842 que José Deniz Isler, subdito bremense, foi despachado no dia 22 de julho de 1842 com destinação Bélgica e Inglaterra. Esta noticia parece equivocada porque o jornal de 16.8.1842 menciona que o bremense J. Denis Isler e os belgas José Philippe Fontaine, Jules De Laveleye e Charles Van Lede, saíram no dia 14 com o paquete inglês Penguin com ruma a Falmouth, Cornualha, Inglaterra. Ou será que são dois irmãos: Joseph e Jean Nicolas?

A família Isler, junto com os irmãos Tiberghien (belgas), tinha no Rio de Janeiro um negócio de importação e exportação.

Gustavo Pedroso achou a data da sua volta para a Bélgica no jornal "Diário do Rio de Janeiro": "Na barca belga Marie Key, 322 tons. parte do Rio de Janeiro para Antuérpia em 28 de maio de 1845, os belgas Luiz Christian, João NIcolau Denis Isler, Augusta Lebeu [Auguste Lebon]." http://memoria.bn.br/docreader/094170_01/28812

O site https://gw.geneanet.org/l... informa que ele faleceu em 1847 na cidade de Alger, Algéria.

Joseph Denis Isler tinha um papel na luta para a independência da Bélgica. O livro "Les quatres journées de Bruxeles" par le Géneral Van Halen (Bruxelas, 1831) contem nas paginas 168-174 o relatório de uma investigação feito no dia 27 de outubro de 1830 sobre o papel de Isler em relação ao general Juan Van Halen em servício do estado belga. No momento da investigação Joseph Isler tive 31 anos e era domiciliado em Antuérpia. Van Halen o descreve na p. 141 como um patriota de Antuérpia refugiado em Bruxelas, negociante.
No mesmo livro aparece também M. Van Lede que viajou com general Van Halen para Bruges.